(51)  3371.6200       99388.4440

(51)  3464.0076

Responsável Técnico:
Dr. Luciano Zuffo
CRM-RS:  26798 / RQE 23181

(51)  3371.6225       99167.0593

Estacionamento no local

(51)  3783.8065       99167.2901

(51)  3191.9607

BLOG

Candidíase Peniana: Saiba mais sobre ela, como evitar e tratar

21/08/2017

               A candidíase é uma doença inflamatória da região dos órgãos genitais, principalmente da glande, prepúcio e toda a região do órgão reprodutor masculino. É causada comumente pelo fungo Candida Albicans. Embora seja uma doença mais frequente em mulheres, a candidíase pode surgir também nos homens, tanto crianças como adultos. É uma doença sexualmente transmissível, mas também pode ser transmitida por má higiene no local.

 

 

 

              A doença na verdade, é uma infecção causada pelo crescimento excessivo do Candida Albicans, um fungo presente no corpo humano em pequena quantidade. Porém, há situações em que ele pode crescer e causar sintomas diversos, desagradáveis e ameaçadores.

 

              A Cândida, em alguns casos, especialmente na candidíase peniana, pode ser transmitida durante a relação sexual – quando a própria mulher possuir grande quantidade do fungo na vagina, podendo, por isso, transferir para o pênis.

De todo modo, a candidíase no homem pode também surgir através de outros fatores de risco, tais como:

  • Má higiene do pênis

  • Diabetes mellitus

  • Uso de drogas

  • Sexo oral com pessoa contaminada

  • Contato sexual com parceira infectada, sem uso de preservativo

  • Consumo frequente de remédios, tais como antibióticos, antidepressivos e corticoides

  • Doenças que deixam o sistema imunológico enfraquecido: AIDS e lúpus, por exemplo.

 

SINTOMAS

    

O sintoma da candidíase pode causar sérios desconfortos na vida como um todo, principalmente porque a candidíase que apresenta lesões impede o homem de ter relações sexuais para evitar o contágio da parceira (o) ou altera o seu desempenho sexual, causando ardência e desconforto. A infecção peniana em homens pela Cândida se manifesta como uma balanite (infecção da glande). Assim, os sintomas mais comuns em homens com candidíase são:

  • Vermelhidão, inchaço, dor e placas esbranquiçadas na glande

  • Corrimento semelhante ao sêmen

  • Ardência ou dor durante a relação sexual

  • Descamação da pele

  • Placas brancas sobre a pele

  • Pequenas bolhas, úlceras e feridas

  • Dor ao urinar

 

TRATAMENTO

 

       O tratamento, que quase sempre é feito através do uso de medicamentos antifúngicos (em creme, pomada ou comprimidos), tem uma eficácia entre 80% e 90%. Ele vai ser determinado pelo seu médico urologista, que é o especialista que deve ser consultado no caso de você ter estes sintômas.

 

É interessante que o homem com candidíase tome alguns cuidados durante o tratamento tais como:

  • Evitar relações sexuais

  • Manter a região genital limpa e seca

  • Evitar o consumo de alimentos gordurosos, açúcares e bebidas alcoólicas

  • Não fumar

  • Beber água em abundância

  • Consumir maior quantidade de verduras e hortaliças

       

Caso você perceba alguns dos sintômas e características citadas anteriormente, não deixe de procurar um médico urologista para realizar o diagnóstico preciso e determinar o seu tratamento adequado. Não pratique a auto medicação, pois conforme os sintômas e o seu perfil, o urologista irá propor a melhor forma de curar a doença.

 

A São Pietro Saúde é especializada em urologia e possui infraestrutura completa para todos os tipos de problemas urológicos em homens e mulheres de todas as idades, além de contar com uma grande equipe de médicos urologistas e profissionais para cuidar de sua saúde com toda responsabilidade, cordialidade e segurança.

 

 

Please reload

CAPA - REVISTA MAIL3.jpg
Posts em destaque

Traumatologia - Artrose: O que é, Sintomas, Causas e Tratamento

30/11/2017

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga nossa fanpage
  • Grey Facebook Icon

CLIQUE AQUI 

e faça o download da versão online da Revista São Pietro News!